O que é pitiríase rósea?

 

Normalmente, somos muito levados pelas aparências. O nome já estranho. A doença mais ainda! Vem de repente, em gente jovem, do nada. Aparece uma lesão avermelhada grande e depois espalha para o corpo todo. Socorro! O que é isso? Desse jeito, coisa boa não deve ser.

 

E é isso o que todo mudo pensa: devo estar mal de saúde! O corpo fica tomado de pequenas lesões rosadas com uma discreta descamação central, principalmente no tronco. Geralmente não coçam (mas podem coçar um pouquinho). Antes dessa explosão de lesões na pele, aparece apenas uma, grande, chamada de "o medalhão". É comum pensarmos em alergia ou micose, apesar de não coçar. Uma semana ou duas depois do medalhão: pimba! As lesões "filhotinhas" aparecem e tomam principalmente a pele do tórax. Sem febre, sem alterações de exame de sangue, sem nada.

 

Apesar do quadro não ser coisa boa (ninguém quer ficar com o corpo todo pintado de manchas cor de rosa, não é mesmo?), a doença é "de boa", ou seja, passa sozinha e não costuma deixar vestígios. Em até 2 meses, as lesões desaparecem espontaneamente, sem tratamento algum (no máximo medicações para coceira, se tiver).  O que causa isso, ninguém sabe com toda a certeza. Acredita-se que possa ser causada por vírus. Mas, não se pega pelo contato com as lesões. Assim, não tem que ficar trancado em casa por 2 meses! Ela dá mais no outono e primavera.

 

Só um alerta: antes de fazer o seu próprio diagnóstico, é bom visitar o seu dermatologista para excluir outras doenças nada "de boa", como sífilis, psoríase, linfomas de pele e até reações a medicamentos. Na dermatologia, como na vida, nem tudo é o que se parece ser. 

Please reload

Posts Recentes

May 14, 2018

Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags