Tomar isotretinoína ("Roacutan") faz mal?

 

Tomar isotretinoína, mais conhecida pela sua marca comercial "Roacutan", é um tratamento de primeira linha para acne moderada à grave ou mesmo para aquelas resistentes ao cremes e que deixam cicatrizes. Mas, frequentemente quando se propõe um tratamento com ela, vem a pergunta: mas não é muito forte? Não faz mal?

 

Realmente, a isotretinoína quando tomada por cápsulas (oral) pode levar a inúmeros efeitos colaterais que assustam quando lidos nas bulas ou sites da internet. O mais grave deles, no meu ponto de vista, é o perigo da malformação fetal, se engravidar tomando a medicação. Por isso, é necessária uma atenção redobrada para as mulheres em idade fértil. Para elas, é pedido que se tenha 2 métodos contraceptivos (um hormonal e outro de barreira) antes de se iniciar a isotretinoína. Além desse efeito, é relatado o risco de danos hepáticos, aumento do colesterol (principalmente os triglicérides), ressecamento e alteração na cicatrização da pele, inflamações musculares e até alterações de humor. Depois de ler isso, talvez você pense que nuca irá tomar esse remédio na vida! Mas, vou dar contrapontos.

 

Um ponto a se considerar é que não é porque está escrito na bula do remédio, que você terá o efeito colateral. Outro ponto interessante a levantar é que não existe medicamento sem efeitos colaterais. Se propagandeiam isso, provavelmente estão falando mentira ou é um remédio tão novo que nem sabem ainda tudo o que ele causa. A isotretinoína oral é relativamente antiga e amplamente usada, o que faz com que tenhamos mais conhecimento sobre a sua ação e manejo das complicações. A venda dela é bem controlada (quem toma sabe da papelada monstruosa, cheia de termos de consentimento para assinar, exigidos para comprá-la na farmácia), o que impede a automedicação e obriga o acompanhamento médico. Nesse ponto de vista, podemos pensar que, embora se tenham vários possíveis efeitos colaterais no uso da isotretinoína oral, ela é, de certa forma, uma medicação segura. É como andar numa trilha já mapeada. Se seguir certinho o mapa e ter o preparo físico requerido para fazê-la, é provável que chegue inteiro e satisfeito no final dela, pois já se consegue antever alguns possíveis obstáculos no caminho. Claro, que infelizmente, ainda não conseguimos prever quem vai tropeçar naquela pedra no meio da trilha que já estava no mapa. Mas, podemos tentar visualizá-la antes ou mesmo amenizar o "ralado" assim que acontecer. 

 

Como tudo na vida, quando os benefícios suplantam os riscos, a isotretinoína oral está bem indicada e chega a ser tida como "milagrosa". A pele acneica geralmente se tranforma completamente após um tratamento completo. Essa pele nova e bonita é um chamariz para os hipocondríacos e caçadores de soluções "fáceis"! Só uma alerta: a isotretinoína não deve ser para quem quer tomar e sim para quem deve e pode (olha os efeitos colaterais que acabei de falar!). Ela não deve ser usada de forma indiscriminada, mas sim para casos selecionados. E, infelizmente, não há atalhos para a pele que a gente quer. O tratamento com a isotretinoína não tem nada de fácil e requer comprometimento da pessoa que toma e do médico que prescreve. São feitos exames de sangue antes e regularmente durante o tratamento, para se detectar indícios dos efeitos colaterais, quando uma redução de dose ou a suspensão da medicação, muitas vezes, são suficientes para reverter o quadro.  A isotretinoína oral não é uma vilã. Usada com cautela, com indicações precisas e acompanhando direitinho com o seu dermatologista pode ser a "mocinha" na novela da sua acne. 

Please reload

Posts Recentes

May 14, 2018

Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags
  • Black LinkedIn Icon
  • Black Facebook Icon
  • Black Google+ Icon
  • Black Pinterest Icon
  • Black Instagram Icon